28 de set de 2012

Como esquecer esse amor!


Seu amor foi minha doce ilusão
No meu coração uma ferida
Nos meus olhos uma lagrima.
****
Não sei te esquecer
Como esquecer esse amor
Que era minha razão de viver.
****
Meus dias estão tristes 
Seu perfume estar impregnado no meu corpo 
E na minha alma.
****
Sem esse amor meu mundo desabou
 Levaste meus sonhos.
Vivo por vive
 Choro sua ausência
    Só sei sofrer, só sei chorar
            Tristes saudades trás esse amor de volta.
****

5 comentários:

  1. Olá!Boa noite!
    Mary!
    Tudo bem?
    Lindos versos ! Triste!
    Amor... Ele pode estar longe, mas continuará dentro de você. Mas, o que passou passou. Não devemos viver de passado. A hora de fazer é agora, o dia de agir é hoje e o momento de ser feliz e viver intensamente é este, pois o ontem já passou e o amanhã pode não chegar....
    Obrigado!
    Bom final de semana!
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Interessante seu texto que já me vi nele...vivi exatamente isso numa época,,,só me fazia essa pergunta,,,como esquecer esse amor? lutei,,,sofri,,,chorei,,,escrevi,,,escrevo até hoje,,,mas chegou um dia que eu tinha que por um fim nisso,,,antes que isso colocasse um fim em mim,,,e como uma flor,,,a mais bela do jardim,,que eu tinha dó de arrancá-la,,,mas ela me destruía,,,então o fiz,,,arranquei,,,segui meu caminho em frente,,,capengando,,,ainda sofrendo.,,,mas como um guerreiro que sobe no alto da montanha pra se encontrar com o raio da tempestade eu venci,,,hoje,,,nem sei dizer se era amor,,,foi um sonho bom que acabou,,,estou longe,,,em outra estação....beijos e flores de bom sábado....

    ResponderExcluir
  3. Triste versos...
    Quem nunca esteve vivendo dentro dessa total falta de chão???
    Eu pelo menos, a milhares de anos atrás...
    Hoje descanso bem, com minha outra metade de minha alma...

    Tenha um lindo sábado.
    Beijinhos de rosas.
    Lua.

    Um presentinho, se gostar fique com ele.
    http://i50.tinypic.com/120nia9.gif

    ResponderExcluir
  4. .



    Segunda-feira, 01 de outubro
    você vai se vir na pele de u-
    ma das pessoas que lutou pa-
    ra conseguir o grande amor de
    sua vida e viu, com o passar
    do tempo, a maioria dos dese-
    jos ser assassinada por parte
    de um dos amantes e o esmae-
    cer do grande sentimento.

    Espero você lá.

    Um beijo,

    silvioafonso







    .

    ResponderExcluir
  5. Oi Mary!
    Poesia linda e triste.
    Como sempre digo: um amor morre, outro recomeça.
    Nada de nostalgia, faz mal ao coração.
    Obrigada pela visita
    Lua Singular

    ResponderExcluir


“O Poeta é um fingidor, finge tão completamente
que chega a fingir que é dor a dor que deveras sente.”

( Fernando Pessoa)


Arquivo do blog

jf.maps

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...